domingo, 13 de janeiro de 2013

Receita: Molho de Tomate Especial!

Ooooi, lolis!!! 

Hoje tem receitinha! Estamos fazendo um capellini (para quem não sabe, "capellini" é o nome do macarrão do tipo spaghetti bem fininho, o tal nº 1!) e fiz um molho especial. Essa postagem também é especial, porque adoro capellini e porque consegui fotografar durante a feitura! Finalmente haverá fotos!!! Peço desculpas adiantadas por talvez não estarem muito boas, porque nunca fiz isso. Recomendo que cliquem nas imagens para vê-las em maior detalhe e identificar melhor as coisas. Também deixo avisado que críticas, comentários e sugestões sobre as fotos são bem-vindas.

Infelizmente, não tenho como colocar o rendimento, então ficará sem a classificação inicial de se é vegetariana, grau de dificuldade e rendimento. Desculpe. Estou também aproveitando para remodelar o esquema de receitas.


 Ingredientes~

♣ 4 tomates médios maduros
♠ 2 caixinhas de molho de tomate pronto
♥ 5 alhos grandes descascados e picados bem miúdos (aqui nós passamos por um espremedor)
♦ 1 cebola pequena ralada
♣ 8 shitakes picados (não use os "cabinhos")
♠ Sal, açúcar e pimenta-do-reino ralada na hora. Tudo a gosto.
♥ Azeite ou óleo, para fritar/refogar as coisas


♦ Modo de preparo~

Coloque o óleo na panela. Quando estiver quente, acrescente a cebola e a frite, até que ela fique dourada (da cor do alho cru). Depois acrescente o alho, o shitake e por fim os tomates. Deixe cada coisa fritar um pouco antes de acrescentar o próximo ingrediente. Quando colocar os tomates, pode acrescentar o açúcar, o sal e a pimenta-do-reino e misturar. Depois que tiver diluído, e você sentir que refogou o tomate ao ponto dele começar a se desfazer, tampe a panela por 1 minuto. Ao destampar, o tomate estará mais desmanchado e terá soltado água. Acrescente o molho pronto, misture, e prove. De acordo com o seu gosto, acrescente mais temperos (açúcar, sal e pimenta-do-reino), sempre misturando rápido para o molho não começar a borbulhar.


A receita em imagens~

Ingredientes. Piquei apenas 3 shitakes, e só depois
do molho pronto notei que devia ter posto 8.
A receita está corrigida. ok?
Cebola recém-colocada
Perdão pela foto embaçada. Foi vapor na lente.
Esta é a cebola frita
Cebola e alho para fritar. Alho recém-colocado

Tudo frito
Com temperos. Uso açúcar demerara, por isso a cor
estranha no açúcar
Antes de tampar
Recém destampado

Mais tempero. Foi ainda mais que isso

Diferença de volumes e textura até o ponto que eu gosto


♦ Dicas e Observações~

♣ Este molho é mais cremoso. Particularmente, eu gosto dele realmente pouco líquido, de forma que deixo "secando" por um tempo. Faço isso mantendo-o em fogo baixo após pronto, sempre misturando e deixando a água evaporar.
♠ Se você prefere um molho mais líquido, deixe a panela tampada por mais tempo e, se quiser, acrescente água no molho
♥ Costumo usar panela de ferro nas minhas comidas, em especial quando faço molho de tomate.
♦ Não se preocupe em acertar os "temperos em pó" logo de cara. Se quiser, inclusive, pode só colocá-los depois do molho quase pronto.
♣ Não tenha medo de provar o molho para saber se está bom. Particularmente, não consigo fazer molho de tomate sem provar. Vai muito tomate, e ainda o molho, e não tem como saber de cabeça se o tanto de "temperos em pó" colocados foi o suficiente.
♠ O açúcar pode soar estranho, mas ele controla a acidez típica do tomate, e em conjunto com sal, pimenta-do-reino, cebola e alho, não deixa o molho adocicado.
♥ Se você quer um molho ainda menos ácido, pode descascar os tomates e tirar suas sementes. São essas partes que aumentam a acidez do molho. Se quiser, e tiver paciência para tal, tem como fazer um molho só com tomates, sem o molho pronto. É trabalhoso, mas fica saboroso. Também pode-se usar tomate italiano, que fica melhor em molhos, para enriquecê-lo.
♦ Cortei tanto os tomates quanto os shitakes em tamanhos desiguais (alguns grandes, outros médios e alguns menores). Isso porque gosto de pedaços de tomate, e o tomate desmanchado deixa outra textura no molho. Então, para terem diferentes graus de "desmanchado", corto em pedaços diferentes. O shitake eu cortei em pedaços médios a pequenos, por causa do paladar, mesmo.


Como são muitas dicas e observações, tentarei condensar em uma próxima vez todos os truques que conheço para molhos diferentes e tal. Molho de tomate é algo que acho muito incrível e engraçado, porque raramente de têm medidas definidas, tudo varia muito de gosto para gosto. Acaba sendo algo mais instintivo.

De qualquer forma, espero que gostem deste!

4 comentários:

  1. Deu até fome de ver >: Amo amo amo molho de tomate, nada melhor do que um caseiro *-* (os prontos sempre tem um gosto muito ácido, né? sem falar que fico imaginando os bichos que devem cair no meio o_õ)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Aaah, que bom que gostou, 15! *-* É sempre bom ver você por aqui! tentarei acompanhar mais seu blog também, e comentar, nele!

      Também AMO molho de tomate! *0* Também acho os prontos muito ácidos, é uma pena. Mas... :'D Não fico imaginando o que cai no molho :'DDDD Que nojinho -q

      Excluir
  2. te indiquei para um meme :3
    http://reinodemorango.blogspot.com.br/2013/01/campanha-de-incentivo-leitura.html

    ResponderExcluir