sexta-feira, 4 de maio de 2012

Uma questão teológica

Oi, lolis!

Cá estou eu com mais uma coisa normal e completamente tudo a ver com o assunto do blog! Pois bem, estava lá eu no Recanto das Letras, lendo artigos variados, quando me deparo com o seguinte texto:

Amigo cristão, você acredita que:
Krishna ao morrer, subiu aos céus?
Osíris ressuscitou, subiu aos céus, onde julgava os mortos, separando-os conforme suas ações na terra?
Mitra nasceu no dia 25 de dezembro, fazia milagres, morreu, ressuscitou e subiu ao céu?
Dionísio (Baco) transformava água em vinho?
Buda ao nascer, já falava como um adulto?
Zoroastro era filho de uma virgem de quinze anos, que fora fecundada por Auhramazda, um deus persa?
Zeus era um deus que tivera vários filhos gerados de seus encontros com mulheres mortais?
(Tudo isso antes de Jesus vir ao mundo).
Não acredita?
Então agora você sabe por que um ateu também não acredita na Bíblia e no deus cristão.

Ele é de autoria de Fernando Bastos que é, visivelmente, ateu. Não sou mais ateia, mas tenho uma enorme curiosidade por teologia e por debates teológicos. Mesmo crendo em Soso (minha forma de chamar o deus cristão, muito prazer! :"D), fiquei um tanto confusa com esse texto bem simples e por isso pergunto a vocês, lolitas: o que faz vocês acreditarem em uma religião e não em outra? O que faz a Bíblia ser de tanta confiança, enquanto Zeus, Zoroastro, etc etc etc, são pura história da carochinha?

Deixo avisado que não tenho a mínima intenção de "des-cristianizar" alguém, rs. Essa curiosidade apenas me surgiu e, como o blog é das coisas que me interessam, me surgiu o interesse de perguntar sobre isso ^_^

Peço encarecidamente que não se venha citando partes e mais partes da Bíblia, tentando me convencer que Soso existe e blah (até porque já creio nela!) e como se citar partes de, sei lá, "As Crônicas de Nárnia" e "Harry Potter" fosse atestar a veracidade das histórias lá contidas. Minha ideia é a de um debate saudável, onde cada uma expõe gentilmente sua opinião, porque eu sou muito enxerida, rs.

Peço desculpas antecipadas pela forma meio antipática de colocar as coisas, mas como ex-ateia sou vacinada pela quantidade de gente que começam a nos repetir palavras bíblicas a qualquer pergunta sobre teologia que façamos... ^^"

Beijos de puro amor e sabedoria para vocês hoje! :3

15 comentários:

  1. Minha opinião é a seguinte: Religião é religião. Cada povo tem a sua. Mesmo sendo cristã, adoro ler livros de mitologia grega e egípcia e outros.
    O que mais me entristece nesse debate de deuses e do que se deve acreditar, é que ninguém deixa ninguém à vontade com o que quer acreditar.
    Pro cara escrever esse artigo ele precisou ser incomodado por alguém, e aí respondeu contra, e outra pessoa vai responder contra até o fim dos tempos quando um dos deuses voltar à terra e um poder jogar na cara do outro que estava certo.
    Eu penso o seguinte, religião é algo que você escolhe seguir os rituais ou não. Eu escolhi crer no Deus "cristão" e escolhi para meus rituais a igreja evangélica. Pronto. É só isso. Não é simples? Mas para muitas pessoas isso é calúnia, difamação e outras coisas mais.
    Se as pessoas pensassem em conhecer o outro pelo que ele é, e não porque segue tal coisa, porque ama a pessoa do mesmo sexo, ou porque ele tem excesso de melanina, o mundo seria algo melhor.

    Beijos Alicezinha <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Entendo isso sobre cada um ter sua própria religião e tal, Polly, mas sinto que fugiu à minha pergunta: por que você acredita em Soso e não em... Sei lá, Zoroastro? Ou Ósiris? Disse que optou por crer no deus cristão e pelos rituais da igreja evangélica. Pergunto do motivo dessa opção.

      Sei muito bem que religião é que nem gosto e... Bom, você sabe a outra coisa XD Mas de fato sou muito curiosa sobre esse tipo de coisa e amo esse tipo de debate, de forma que gostaria de uma resposta mais direta.

      Beijos, Pollyzinha! :3

      Excluir
  2. Creio que a grande maioria das pessoas acredita na mitologia cristã e não na mitologia grega, persa, egípcia ou whatever simplesmente porque por a mitologia cristã ser mais familiar, criou-se a ilusão de que ela é mais razoável. As pessoas estão acostumadas a ouvir que Deus existe e blá então não as parece estranho ou bizarro. Elas sempre ouviram que é assim e portanto elas acreditam meio cegamente só porque é o que as pessoas em geral acham.

    E por que eu, pessoalmente, creio em Deus e não em Zeus, Baco ou whatever? Acho que minha resposta principal é que eu não vejo motivo para acreditar nessas outras religiões. Provavelmente, acredito no cristianismo porque o deus cristão é o único deus que eu me daria o trabalho de venerar caso ele existisse.

    Em todas as outras mitologias que conheço, nunca dei de cara com um deus que ama a humanidade e daria a vida por ela, e não vejo motivo em venerar uma entidade que não está nem aí para mim. Então não estou interessada em descobrir se esses seres de outras mitologias existem, porque sua existência seria para mim totalmente indiferente de qualquer forma.

    Também não vejo o que a crença em mitologia grega pode trazer de positivo à minha vida, quando, por outro lado, a crença no cristianismo já trouxe e me traz vários benefícios. Acreditar que Deus existe me torna uma pessoa melhor. É difícil para uma pessoa não-cristã entender isso porque elas nunca tiveram uma experiência espiritual e automaticamente entendem que se a religião faz alguém melhorar é porque a pessoa está se reprimindo para não ir para o inferno, ou algo do gênero. Na realidade, a mudança de caráter que ocorre em alguém que se converte ao cristianismo é algo extremamente difícil de explicar. Acreditamos que ela ocorre porque ao passarmos a ter uma maior comunhão com Deus nossos valores e comportamento começam a assemelhar-se mais e mais com os dele, mas aos ouvidos de alguém que não entende essa experiência isso parece loucura XD

    Então vou limitar-me a dizer que, por motivos misteriosos, buscar comunhão com um ser perfeito que pode ou não existir me faz ser mais como a pessoa que eu quero ser, e por isso eu escolhi essa religião e não outra.

    ResponderExcluir
  3. Acho que religião não se discute.
    Deus dá a nós o livre arbítrio, acredita quem que. Eu acredito que quando a bíblia foi escrita era só por pessoas que queriam saber como tinham sido o começo de tudo! Acreditar em Adão e Eva é desacreditar em Homem das Cavernas :/
    Sei lá, acho que sou muito em cima do muro, gosto de história e ciências e religião é uma coisa meio que "diferente" delas.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hm... entendo. Mas creio que (também XD) fugiu à pergunta: por que você acha que as pessoas acreditam em Adão e Eva e descreem de outras coisas que, em termos de "absurdo", são tanto quanto?

      Excluir
  4. Hm, desculpe minha resposta revoltante...
    Acho que é um pouco do que a Kinoko disse. Eu fui criada acreditando em um Deus mais próximo, porque creio que hoje em dia é um tanto difícil encontrar alguém que creia em Zeus..
    Eu aprendi a seguir essa crença e gostei dela. Também tem as experiências espirituais que me fazem bem. Eu já frequentei uma igreja católica por exemplo. Não tenho nada contra porque, acreditamos nas mesmas coisas, apenas os rituais são diferentes. Bem, eu fui em algumas missas com meu namorado e não me senti à vontade como me sinto na minha igreja entende?
    Se um ateu me perguntasse hoje porque eu acredito em Deus, eu responderia: Acredito porque eu não me sinto tão distante dele, porque eu sei que ele está comigo e já tive provas disso.
    Espero ter respondido certo agora xD

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. ASUHASUAHSUHAUH, não tem resposta certa! XDDDD Mas eu consegui entender o que quis dizer ^^

      Obrigada por responder de novo <3 Acho que é meio isso que acontece comigo, também. Embora acho que tenha influência da nossa cultura, também. Talvez, se morássemos, sei lá, no Japão, não acreditássemos em Soso e sim em algo típico de lá ^^

      Excluir
  5. Meu irmão me disse uma vez que todo crente é ateu a sua maneira. O cristão não crê em Alá, o hindu é ateu aos ensinamentos judeus e por aí vai. Eu concordo de certa maneira.

    Lembro também de um amigo meu que me contou que em uma aula na faculdade falaram que na mitologia grega Atena nasceu na cabeça de Zeus, aí as pessoas riram e disseram como aquilo era besteira. Ele, por sua vez, disse que numa mitologia mais recente dizia-se que a mulher nasceu da costela do homem e que realmente era uma besteira. Silêncio mortal na sala.

    Eu acho que uma outra coisa que ajuda as pessoas a acreditarem mais no cristianismo do que em qualquer outra divindade é que elas são ensinadas assim desde cedo. Eu mesma só conheci outros deuses na escola e em filmes vários anos depois, e já foi apresentado a mim como mitologia, não como religião.

    Eu não acredito no deus do cristianismo, mas acredito em forças superiores, energias e alma.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Entendo o.o

      Obrigada por me dar sua opinião, 15 :3 Você e a Kin-chan foram as que foram diretas logo de cara XDDDD

      Acho que concordo com você o.o

      Excluir
  6. Oi Alice!! Vim aqui hoje visitar seu wonderland e gostei mto! Vc eh uma menina diferente e eu gosto mto de pessoas diferentes e que assumem que são diferentes! Pessoas comuns demais parecem mais tristes e dificilmente tem algo a acrescentar, não acha?

    Eu tbm sou vegetariana! Yay pra gente! \o/

    E eu te respondi no meu blog, mas reforço aqui que vc pode ficar a vontade pra divulgar sobre o que desejar, fico mto feliz pelo seu apoio e interesse!

    Mto obrigada, viu?
    Bjos de chocolate!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oooooi, Kakao!!! *0* OMG OMG OMG, Kakao aqui! *aguarde 5 mintutos, rs*

      Obrigada pelo elogio! Também te acho alguém diferente ^^ Concordo com você :3 Pessoas comuns demais são tão... iguais.

      Yaaay! \o/

      Ah, não cheguei a ver a resposta, desculpe ^^"

      De nada, eu agradeço pela resposta! :3

      Abraços de confeitos gostosos!

      Excluir
  7. Olá! Conheci seu blog hoje e já vou me meter porque gosto desse assunto! hehe

    Estou lendo um livro esses dias que conta a história do início do cristianismo sobrepondo-se aos pagãos na britânia (oi livros de ficção histórica!) e o que posso dizer é que, a muito tempo atrás, as pessoas achavam esquisito um Deus que ama a todos e que ao mesmo tempo quer que todos sejam obedientes à Ele. O Paganismo mostra um retrato bem diferente, em que os Deuses estão envoltos em seus próprios problemas e por isso não atendem aos pedidos mortais por qualquer coisa. Eles não são perfeitos, e por isso não pedem isso de nós.
    São coisas diferentes, visões de mundo bem diferentes.

    Eu sou pagã (wicca que segue o panteão celta), e acredito em minha religião porque acho difícil acreditar que apenas um Deus tenha criado algo tão grande como o Universo em que vivemos e consiga reger isso tudo sozinho (simples assim).

    Acho bonito como algumas pessoas creem e não tento desacreditá-las por nada. Cada um tem a religião que precisa, porque religião existe para completar algo que nos falta. :3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Cara, achei lindo tudo que você escreveu, Maria Luiza!

      Fico muito feliz em ter gostado do meu cantinho e... Cara, nem sei o que acrescentar a o que você acha. Concordo plenamente! Eu também tinha (e tenho) dificuldade em aceitar Sophia - o nome que dei a Deus, muito prazer ;D - pelos mesmos motivos que o seu!

      Abraços brumosos (amo "As Brumas de Avalon"!)

      Excluir
  8. Ah eu de novo ><
    Teologia em geral é um dos meus assuntos preferidos ♥
    Eu sempre digo: Eu acredito em deus, não necessariamente o deus cristão, apenas nomeio de deus a força superior que creio, mas não acredito em religião. Aí já é uma coisa minha, que já fui em algumas igrejas por convites dos outros pra conhecer (elas achavam que o deus deles iria tocar meu coração e que assim eu iria me converter. não deu certo) mas como eu dizia, não creio em religião por que todas as que eu fui eram CHEIAS DE HIPOCRISIA. de mentiras, enganações e preconceitos. Além de eles mesmo não seguirem a própria biblia, o que me deixava meio WTF, eles só seguem na biblia o que lhes convem ><

    Assim como a outra moça ali, eu costumava ser wicca, a crença wicca não morreu em mim, mas não tenho meios de praticá-la, e muitas vezes nem tanta vontade assim.

    enfim, não sei se responde a tua pergunta: eu resolvi crer que existe algo maior, indiferente de religiões.
    não brigo por religião, gosto quando expoem as opiniões deles, desde que eles aceitem as minhas opiniões também~

    XD e só ♥

    ResponderExcluir
  9. Eu acredito que somos capazes de aprender sobre a vida e sobre as pessoas com qualquer coisa, até mesmo religião. Tenho amigos ateus, ex-ateus, que optaram por determinada religião, que seguem um pouco de cada...
    Eu parei de frequentar qualquer templo religioso por não conseguir me sentir bem ao sentir que há uma maioria hipócrita. Até mesmo notei algumas pessoas próximas à mim que são hipócritas.
    Acho que se há tantas religiões, então deve haver alguma verdade maior. Não somos tão criativos assim :)!
    Aprendi a escutar as opiniões alheias sem necessariamente aceitá-las ou concordar com elas. Se eu acho que a religião está sendo usada por alguém para perpetuar qualquer tipo de preconceito, não tenho o menor temor em constranger quem estiver fazendo isso, já que quem faz não tem medo de constranger os outros.

    ResponderExcluir